20 de agosto de 2010

Como Entender a Bíblia???


Antes de mais nada há duas coisas que devemos ter em mente quando o assunto é a Palavra de Deus: primeiro, que não entendemos coisa alguma; e segundo, que não entendemos coisa alguma. Temos a Palavra de Deus, mas os judeus também têm. Os Testemunhas de Jeová também têm e a usam de acordo com suas idéias. É preciso ter algo mais do que a Palavra de Deus, é preciso ter o Espírito de Deus habitando em nós para entendê-la.

Que privilégio! Graça! Graça! Graça! Graça para nossa salvação, graça para nosso andar, graça para e em tudo o que fazemos ou somos, inclusive o entendimento da Palavra de Deus. Nada provém de nós mesmos.

Esse assunto "entender a Palavra de Deus" nos leva a um terreno delicado, onde devemos caminhar com cuidado para não errar. Nem sempre as coisas são claras, mas algumas exigem um exercício de fé diante do Senhor. Há momentos em que precisamos perguntar: O Senhor está falando comigo, Senhor? Será que vou ter de abrir mão de minhas idéias? Quando nossa voz é muito alta, não podemos escutar a dEle. Ele fala mansamente quando ensina, mas grita quando castiga.

Bem, quero compartilhar a história de um jovem crente.

Ele estava sempre muito certo de sua posição (um irmão que viajou com ele apelidou-o de "Tenho certeza") e tinha tudo o que pensava baseado em passagens da Bíblia, e estava sempre pronto para sacar uma delas e atirar. Principalmente quando o assunto era o novo nascimento. Sim, ele sabia que antes de ser salvo estava morto, mas não "tão" morto assim! Ele achava que havia algo em si que estava vivo o suficiente para optar pela fé em Cristo.

Um dia um irmão mais velho trouxe o assunto do novo nascimento numa reunião. Sabe o que aquele jovem fez? Levantou-se e saiu da sala de forma tempestiva, levando sua família consigo. E a partir daí teve início uma batalha de palavras e versículos entre esse irmão e aquele irmão mais velho. Mas, enquanto isso, uma batalha tinha início em seu coração também, até que ele foi obrigado a se curvar diante do Senhor e dizer: eu estou errado!

Aquele jovem crente fui eu (Mario Persona) e lutei muito contra a idéia de que não havia algo em mim que fosse capaz de crer no Senhor. Nenhum versículo podia mudar meu pensamento se isso não viesse acompanhado de uma obra do Espírito em minha alma.

Deus age com graça para conosco, pois sabe que não conseguimos entender essas coisas. Se você não estiver entendendo algo agora, deixe que o Senhor o ensine. Há muitas coisas que não entendemos e sei que o pior professor nessas horas é meu próprio ego.

Que bênção quando podemos, de forma mansa e na quietude da presença do Senhor, pedir a Sua direção. E descansar nele.

"Não há sabedoria, nem inteligência, nem conselho contra o SENHOR." Pv 21:30


2 comentários:

  1. Ola!!!
    Seu blog está muito legal!
    Deus a abencoe!ostaria de convida-la a ser minha amiga no meu:
    rose-brytto.blogspot.com
    será um prazer para mim,
    Com carinho
    Rose

    ResponderExcluir
  2. Acho que essa situação acontece com a maioria se nós, que outrora éramos ensinados de maneira errônea por homens em denominações. No início é difícil de entender, mas logo logo o Espírito Santo coloca em nós o desejo de conhecer a Verdade,porque Deus não é confusão. Louvado e Glorificado seja o Senhor Jesus por seu imenso amor e misericórdia por nós.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.